Fundação Indaialense de Cultura sedia exposições fotográficas sobre saúde
03 de Outubro de 2018


...

A Fundação Indaialense de Cultura irá sediar de 11 a 19 de outubro duas exposições fotográficas organizadas pela Secretaria de Saúde: "SUS em Fotos - Promoção de Saúde, Promoção de Sentidos", de Radilson Carlos Gomes da Silva, e "Permita-se Ouvir", de Samira Natascha Tschoeke Reyes.

A abertura das exposições será às 14h do dia 11, com a presença de Radilson Gomes, do fonoaudiólogo André Furtado, representando a Samira Reyes, e profissionais da Prefeitura.

A exposição poderá ser visitada gratuitamente durante o período, de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, na rua Dr. Blumenau, 5, Centro.

Sobre a exposição fotográfica "SUS em Fotos - Promoção de Saúde, Promoção de Sentidos"

A exposição caracterizada como fotografia documental, objetiva divulgar a realidade do Sistema Único de Saúde. Tem como autor o fotógrafo Radilson Carlos Gomes da Silva, formado em História, especialista em Gestão de Saúde Pública e Comunicação e Saúde pela Fundação Oswaldo Cruz. Começou a sua carreira em 1986, em Brasília. Em 1994 ingressou no Ministério da Saúde e passou a trabalhar em Documentários Fotográficos de Saúde Pública. Professor de Fotografia, ministrou a disciplina de Iniciação à Fotografia para alunos de Fotojornalismo, Propaganda e Marketing, Publicidade, Arquitetura e Relações Públicas nas Universidades: Católica de Brasília, Universidade Paulista (Unip), Faculdade JK e Uniplan de Brasília.

Sobre a exposição fotográfica "Permita-se Ouvir"

A exposição fotográfica "Permita-se Ouvir" tem sua origem no desejo de apresentar à população indaialense os usuários de aparelho de auditivo que participam do Grupo de Saúde Auditiva desde o ano de 2012. O grupo iniciou motivado pela necessidade observada pelo Setor de Fonoaudiologia da Secretaria de Saúde em possibilitar um espaço aberto à discussão de assuntos relacionados à saúde auditiva e ao uso correto do aparelho auditivo, esclarecimento de dúvidas, fortalecimento e aceitação do uso, discussão de temas de interesse geral e espaço de interação social. O grupo, desde então, realiza-se como apoio ao Serviço de Atenção à Saúde Auditiva - Univali e aos diversos Programas da Secretaria de Saúde e ocorre com a participação dos fonoaudiólogos e de muitos profissionais incentivadores.

Em um dos encontros com o grupo abordou-se sobre a arte da fotografia, despertando o interesse dos participantes, que decidiram expor e compartilhar sua experiência em relação ao uso do aparelho auditivo, assim como mostrar seus sorrisos, olhares, sentimentos e a importância do uso do aparelho em suas vidas.

As fotos da exposição foram produzidas por Samira Natascha Tschoeke Reyes, fonoaudióloga e servidora pública municipal há 15 anos. Ela interessa-se por fotografia, entendendo-a como expressão de sentimentos e de contribuição à divulgação do fazer fonoaudiológico. Sente-se feliz em poder expor a emoção vivenciada nos encontros do Grupo de Saúde Auditiva por intermédio dos rostos do Sistema Único de Saúde. Dedica essa exposição a tantos usuários que lhe possibilitaram aprender a singularidade de cada história e à professora Indiara de Mesquita Fialho e equipe, grandes apoiadores das ações de saúde auditiva no município de Indaial.